AGENDA CULTURAL

27.1.16

Mais um prefeito Cido?

Hoje, o visual  de Cido Saraiva
Hélio Consolaro*

Isso que você vai ler aqui, caro leitor, corre a boca pequena em Araçatuba, em todos os botecos e rodas de amigos, mas não a vi escrita ainda. Faço isso, não é por coragem ou covardia, mas por necessidade. O assunto precisa ser tratado, o tabu não é característica da sociedade moderna.

Acompanho de longe a trajetória do atual presidente da Câmara de Vereadores de Araçatuba, o Cido Saraiva-PMDB (ex-criador de bicho). Desde quando se elegeu pela primeira vez, com muitos votos, e antes de tomar posse cometeu um homicídio.

Foi preso, cumpriu pena em penitenciárias. Voltou, se elegeu e reelegeu vereador, com votação cada vez mais crescente (5.232 votos em 2012 – o mais votado), tornando-se presidente da Câmara pela segunda vez. Em 2014, candidatou-se a deputado estadual e obteve votação significativa (32.514 votos), mas não se elegeu.
Cido Saraiva, careca

O cara tem uma resiliência a toda prova, consegue se levantar das situações mais difíceis. Não devemos esquecer de que ele nasceu em Fênix, Estado do Paraná. De careca, passou a ser cabeludo...

Por causa disso, seus possíveis concorrentes puxaram a “capivara” do Cido Saraiva, expondo-o seus BOs em rede nacional de televisão. No mundo da política, age-se assim, apenas se põe fogo no rabo de palha do adversário quando ele significa uma ameaça política. Depois se esquecem, principalmente se tornar um aliado.

Com a significativa votação em 2014, como candidato a deputado estadual, ele só podia pretender em 2016 ser prefeito de Araçatuba. Fogo nele, artilharia pesada!

Confesso, caro leitor, que admirei muito Cido Saraiva (PMDB) numa reunião de artesãos com Cido Sério (PT) na Prefeitura. Num certo momento da reunião, Saraiva, vereador, sob o olhar do prefeito, começou a dar lições de artesanato para os artesãos.

Isso faz assim, aquilo faz assado. Homens e mulheres ficaram assustados. Um deles perguntou:

–Como sabe fazer isso, Cido Saraiva?

E a resposta veio corajosa e serena:

–Ué! Quando puxei cadeia. Você não se lembra que fui condenado e vivi uma porção de anos em penitenciária?

Todos ficaram em silêncio, admirados de sua franqueza.

A candidatura a prefeito de Cido Saraiva é uma possibilidade, mas seus próprios comparsas têm medo dela. Alegam que o telhado de vidro dele é muito grande e durante a campanha eleitoral não vai ficar nenhum inteiro, será estilhaçado.

Dizem que a pessoa portadora de “grande capivara” pode ser vereador ou deputado, até aí as pessoas toleram, mas exercer o comando do Poder Executivo não é socialmente permitido. Isso é uma verdade ou mito?

Cido Saraiva pode persistir em sua candidatura a prefeito, saindo do PMDB e se filiando a um outro partido, reunindo em torno de si os pequenos partidos. Deixando o PMDB e o prefeito Cido Sério falando sozinho. Se isso acontecer, a eleição municipal de 2016 de Araçatuba vira um rebu. A periferia espera por Cido Saraiva candidato a prefeito.


*Hélio Consolaro é professor, jornalista e escritor. Secretário municipal de Cultura de Araçatuba-SP

3 comentários:

Hélio Ninha disse...

Boa Tarde !...
Xará...
De fato o "caldeirão do inferno", vai começar a fervilhar...muita lenha,pó de serra, e várias porções mágicas, deverá ser inclusos neste enorme recipiente"..., neste intervalo a Madame Min,e o "Mandracke", estarão mais que espertos...e com certeza, o(a) "Vidente", já está toda(o) arrepiada, e deve estar imaginando..."Puxa vida, será que vou errar de novo"!.
Vamos aguardar o desenrolar...Muita aguá irão rolar debaixo desta ponte...
Abçs...
Hélio Ninha

Anônimo disse...

tudo isso e pura verdade sr professor jornalista escritor,secretário municipal da cúltura,foi facil. por favor ,escreve das boas ações ,que ele fez e esta fazendo ,para o próximo na pior das piores situação.a doença,que rebenta o (portador)e a sua família ,ele aparece com a mão amiga ;imagine como prefeito;; por favor sr jornalista das boas ações vai escrever quando, de a sua opinião;; me desculpa nilson lopes aposentado cidadão araçatubense nato residente

Helio Consolaro disse...

RESPOSTA AO NILSON LOPES

A crônica conta ligeiramente a história de Cido Saraiva, afinal, o homem público precisa se fazer conhecida. A história dele não pode ser tabu, precisa ser dita, mas também mostrei as virtudes comportamentais dele. E também otimizei a sua chance eleitoral de ganhar a eleição em 2016. Se ele for candidato a prefeito, e eu acredito que sim, a sua história será cantada em prosa e versos durante a campanha eleitoral: a parte boa, pelos amigos; os deslizes, pelos adversários. HÉLIO CONSOLARO