AGENDA CULTURAL

16.2.18

Sesc Birigui recebe o Programa Curumim, voltado a crianças

As inscrições são gratuitas e deverão ser feitas de 21 a 25 de fevereiro, pelos responsáveis 

O Curumim é um programa permanente de educação não formal do Sesc SP, que tem como objetivo o desenvolvimento das crianças por meio da realização de uma programação semanal formada por jogos, brincadeiras, oficinas artísticas, atividades de promoção de saúde, socialização, passeios, entre outros.

A partir do mês de março, a criançada poderá desfrutar das atividades do projeto no Sesc Birigui. Podem participar do programa crianças de 7 a 12 anos - com prioridade para filhos de trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo (com credencial plena). As vagas restantes poderão ser preenchidas por crianças sem credencial ou com credencial atividades.

A participação é totalmente gratuita. As pré-inscrições deverão ser feitas de 21 a 25 de fevereirocom a credencial plena, pelo responsável pela criança. No caso de vagas remanescentes, as pré-inscrições serão realizadas nos dias 27 e 28/02.

Nos dias 1 e 2 de março, os interessados serão contatados por telefone para agendamento de entrevista e confirmação da inscrição com os instrutores do Curumim. As entrevistas com os responsáveis serão feitas de 3 a 11 de marçosendo necessária a participação da criança e apresentação dos documentos*.

As atividades serão realizadas à tarde, portanto, atenderão a crianças que estudem no período da manhã. As oficinas começarão no dia 13 de março e acontecerão de terça a sexta, das 13h30 às 17h30, no Sesc Birigui.

Criado em 1987, o programa tem sua base em valores como a ludicidade, autonomia, diversidade e o exercício da cidadania, além da preocupação com o estabelecimento de relações e vínculos e o convívio entre diferentes.

Desde o seu nascimento, o programa busca criar espaços de convivência com o diverso e acredita que o brincar é a melhor experiência e memória da infância. O programa tem uma metodologia que permite a articulação entre os diversos saberes trazidos pela criança, a partir do contexto em que ela vive, de modo a colaborar com sua formação e desenvolvimento.  A base de tudo isso é a intencionalidade educativa da instituição voltada à promoção dos valores, do conhecimento e da convivência social.
  
*Documentos necessários para a entrevista e confirmação da inscrição:

- Credencial do Sesc da criança;
- Foto 3x4 da criança;
- Cópia do RG ou certidão de nascimento da criança;
- Comprovante escolar da criança referente ao ano de 2018;
- Cópia do RG e CPF dos responsáveis;
-  Cópia do comprovante de residência;
- Atestado médico da criança para a prática de atividades físico-esportivas.

Mais informações:
(18) 3649-4785

Cursos regulares relacionados a atividades físicas têm inscrições abertas no Sesc Birigui

Aulas de Práticas Aquáticas, Hidroginástica e Ginástica Multifuncional começam em março; algumas modalidades, como corrida, serão oferecidas no Polo Avançado do Sesc em Araçatuba




As vantagens de movimentar adequadamente o corpo são inúmeras, a ciência já comprovou. O bem-estar é externo e interno; o corpo e a mente se beneficiam com a prática de exercícios físicos. Assim, o Sesc tem entre seus objetivos incentivar a prática do esporte e da atividade física, a fim de ajudar a melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores no comércio e serviços e da comunidade, e dos demais públicos. 


Entre as diversas modalidades, programas e projetos do Sesc Birigui, estão os cursos regulares de Práticas Aquáticas, Hidroginástica e Ginástica Multifuncional (GMF), e atividade Clube da Corrida. As aulas começam dia 6 de março (exceto o Clube da Corrida, que inicia dia 10 de março). 

O curso de Práticas Aquáticas oferece aulas abertas para quem quer aprender ou praticar a natação e melhorar seu condicionamento físico e técnico. O curso prevê atividades individuais e coletivas, como vivências de polo aquático, mergulho, nado sincronizado e muito mais.

A Hidroginástica engloba exercícios de força, resistência e flexibilidade, com o objetivo de melhorar o condicionamento físico e promover a sociabilização.

A Ginástica Multifuncional (GMF) é o programa de exercícios físicos diferenciado e que caracteriza a proposta do Sesc. O programa leva em conta a expectativa, o estilo de vida, os tipos de exercícios que o interessado gosta, e muito mais. (Os horários e dias das turmas com vagas disponíveis podem ser visualizados na tabela após o texto.)

Para as atividades em Birigui, as inscrições para portadores de Credencial Plena (funcionários do comércio de bens, serviços, saúde e turismo e seus dependentes, cadastrados no Sesc) acontecem de 21 a 25 de fevereiro. As vagas remanescentes serão disponibilizadas de 28/2 a 4/3, para demais públicos. Em Araçatuba, as inscrições foram abertas dia 6 de fevereiro. 

No momento da inscrição, é obrigatória a apresentação de atestado médico para atividades físico-esportivas. Para os cursos realizados nas piscinas, é necessário também exame dermatológico. 

Em Araçatuba, as aulas são gratuitas. Já em Birigui, os valores das mensalidades são os seguintes: GMF – R$ 36,00 para portadores de Credencial Plena e R$ 80,00 para portadores de Credencial Atividade; Hidroginástica e Práticas Aquáticas - R$ 28,00 com Credencial Plena e R$ 62,00 com Credencial Atividade. 

15.2.18

ARAÇATUBA: prédio da prefeitura-rodoviária não tem alvará dos Bombeiros

Rodoviária de Araçatuba, onde funciona também a prefeitura
Hélio Consolaro
Diante da divulgação pelo jornal O LIBERAL, 15/02/2018, de que o templo da Igreja Universal da rua Marechal Deodoro não tem alvará dos bombeiros e, por isso nem o alvará da Prefeitura de Araçatuba para funcionar, revela uma certa perversidade, porque muitos prédios públicos não o tem. 

Não estou defendendo a igreja, nem atacando a atual administração, porque isso vem há tempos. Estou revelando que há uma certa hipocrisia entre nós. E o prazo devia ser maior para que prédios antigos fossem adaptados.
Templo da Igreja Universal em Araçatuba
No Estado de São Paulo, a exigência do AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros) ficou mais rigorosa depois do incêndio ocorrido na boate Kiss no município gaúcho de Santa Maria. As prefeituras não podem emitir o seu alvará sem a aprovação dos Bombeiros.

Não sou contra tal exigência, mas o seu cumprimento custa caro em prédios antigos. O prédio onde se encontra instalado o templo da igreja foi construído pela empresa Dias Martins, atacadista de secos e molhados na década de 60. Não sei se ele foi alugado ou comprado pela igreja.

Fui assistir ao jogo entre Palmeiras e Mirassol no Estádio Municipal José Maria de Campos Maia no dia 10/02/2018. Para ser generoso com os bombeiros de lá, devo dizer que o auto de vistoria foi dado sem nenhuma visita de técnicos. Colocar 12 mil torcedores naquelas arquibancadas é um temeridade. Assim, se percebe que cada município tem um critério; no setor público, tolera-se; no privado, exigência total.

Em Araçatuba, se o AVCB for exigido a ferro e fogo dos prédios que hospedam o poder público, eles são fechados em sua maioria. Exemplo disso é o prédio onde funciona a rodoviária e a Prefeitura de Araçatuba (construído na década de 60): não tem AVCB. Quando se propõe novo prédio para ambas, não se trata de sonhos quiméricos, é uma necessidade. Só depois do incêndio é que vamos lamentar, culpar alguém pela desgraça.   

LEIA NOTÍCIA, CLICANDO AQUI

*Hélio Consolaro é professor, jornalista e escritor.     

13.2.18

Espetáculo de dança traz frevo e suas influências ao Sesc Birigui

Cia. Brasílica, de São Paulo, apresenta na quinta-feira montagem baseada na tradicional manifestação cultural pernambucana - Sesc Birigui nesta quinta-feira, dia 15, às 20h. 

Declarado pela Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) Patrimônio Imaterial da Humanidade em 2012, o frevo é a estrela da noite na Área de Convivência do Sesc Birigui nesta quinta-feira, dia 15, às 20h. 

No espetáculo A fala do frevo, os desenhos do corpo, a Cia. Brasílica, de São Paulo, mostra uma jam que eleva a manifestação da dança única de cada bailarino por meio dos caminhos corporais das brincadeiras e jogos das danças populares, a interpretação das personagens e manifestações dos arquétipos do frevo. 

As influências originais e contemporâneas desta manifestação cultural pernambucana – como a capoeira, maxixe, dobrado, ginástica – também estarão em cena. O espetáculo enfoca ainda a comunicação com o público e a participação das pessoas presentes. A entrada é gratuita. 

A Cia. Brasílica foi fundada em 2005, por Deca Madureira e Lucila Poppi, com o intuito de difundir a metodologia criada por André Madureira, diretor do Balé Popular do Recife, e estabelecer a linguagem Brasílica de dança. Alguns anos antes, Ângelo Madureira e Ana Catarina Vieira criaram a escola Brasílica Música e Dança, abrindo portas e quebrando barreiras, para que muitas pessoas se contagiassem com essa pesquisa. 

Sob a direção de Deca Madureira, a Cia Brasílica estreou com o “Baile do Menino Deus”, no Sesc São Caetano, em dezembro de 2006. Entre os espetáculos do repertório do grupo, estão ainda: “O Poder da Música e a Serpente Encantada” (2007), “Kamaleoas” (2009); “Canteiro de Obra” (2010), “Traque de Massa” (2012) e “Deca Madureira e Orquestra Multicultural Brasílica” (2014). 

Onde o fantástico ficou mais fantástico ainda


Título:  Contos Fantásticos do Folclore Brasileiro
Autor:  Junior Salvador
Editora:  Independente      
Número de páginas: 157

RESENHA
Arissa Nishimuta, biomédica, 24 anos

Contos Fantásticos é um livro que reúnem vários contos do folclore brasileiro de uma forma nunca vista antes, com histórias independentes entre si. De maneira atemporal, uma obra trás personagens como Saci-Pererê , Curupira , Mula sem Cabeça , Cuca , Caipora e Taîasu , Iara , Jurupari e entre outros, com suas histórias e particularidades, apresenta um mundo repleto da cultura brasileira aos que nunca foram ligados ao folclore.

O Saci-Pererê que corre o risco de roubar um pedaço da crina da Mula Sem Cabeça para poder

recuperar sua carapuça; A  Cuca que tentará sequestrar uma criança, sem saber a verdadeira identidade e poder da mãe protetora; Curupira e Cumade Filozinha Precisão encarar a fúria de Caipora e Taîasu, protegendo homens caçadores ; Iara viaja um arquivo de um navio cantando, tentando esquecer sua vida matando pescadores, e decidir se entregar por primeira vez às aventuras da sedução e do amor; Um Caçador que se apresenta exterminar os seres mágicos, começando por Jurupari ; Inácio Tagarela, um menino que como seu próprio nome diz, muito tagarela dá vida a um novo mito brasileiro. 

Lançada em 2018, uma obra nos trás um rico universo repleto de personagens de nossa cultura de uma maneira diferente e cativante, a leitores de qualquer faixa etária.

OPINIÃO

Contos Fantásticos do Folclore Brasileiro foi lançado em 2018 de forma independente pelo autor Junior Salvado na forma física e em e-books. Confira aqui mais detalhes no site do autor.

De forma surpreendente, o autor nos trás contos sobre o folclore brasileiro de forma inovadora e envolvente, com histórias abrangentes mais de uma personagem do folclore. Como nunca foi ligada ao folclore brasileiro , a partir de desta obra pude conhecer ainda mais sobre uma cultura brasileira, superando minhas expectativas e incentivando-me um envolver ainda mais nesse universo.
Com uma escrita fácil, uma leitura flui de uma forma impressionante . A obra é separada em pequenos contos, então este livro é que você pode carregar semper na bolsa ou não kindle para lê-lo nos intervalos do trabalho, não ônibus, nas viagens ou na espera da fila ao banco, por exemplo. Quando esta estacionada, estava em um período tão alto que carregava o e-book em qualquer lugar, e semper que podia, dava uma lida. Como o livro é pequeno, rapidinho você consegue terminá-lo.

O que mais me chamou atenção à obra, foi uma maneira como o autor retratou os personagens do folclore, destacando suas fraquezas, seus desejos, sonhos, medos e sentimentos. O lado humano que descreve nesses personagens.

Por fim, termine minha análise com a minha recomendação da obra. Confesso que não sou muito ligada a obras nacionais, e estou mudando isso aos poucos. A obra de Junior Salvador é uma das primeiras na minha lista de autores contemporâneos e nacionais . Aos que procuram uma leitura rápida, repleta de elementos nacionais, indico esta obra!

12.2.18

Prefeito Dilador Borges nomeia novo Conselho Municipal de Políticas Culturais de Araçatuba-SP

Cumprindo a determinação da lei, pois os antigos conselheiros estavam com seus mandatos vencidos, o prefeito Dilador Borges nomeou o novo Conselho Municipal de Políticas Culturais. Ele tem caráter deliberativo e é, juntamente a Secretaria Municipal de Cultura, responsável por gerir a cultura em Araçatuba.  Ele possui dois anos de mandato.



10.2.18

Programação do Sesc, inclusive para o carnaval

Horário de funcionamento diferente durante o Carnaval nos dias 10, 11, 12 e 13, das 9h30 às 18h30, público pode conferir gratuitamente shows, oficinas e até um bailinho 

Importante manifestação cultural no Brasil, o Carnaval não podia ficar de fora da programação do Sesc Birigui. Shows, oficinas e até um bailinho serão realizados em diversos espaços dentro da unidade. As atividades alusivas aos festejos de Momo começaram no dia 6 e seguem até dia 13. 

No sábado, dia 10, das 11h às 13h, no Espaço de Brincar, as crianças poderão criar suas máscaras, fantasias e adereços com materiais diversos, como tecidos coloridos e estampados, brilho e fitas, embaladas por uma trilha sonora especial.

À tarde, às 17h, o grupo Babado de Chita apresenta na Área de Convivência o espetáculo Foliei Festariô, uma brincadeira dançante inspirada em manifestações populares brasileiras presentes no carnaval e em suas origens, como o Zé Pereira com seu bumbo solitário, ala ursa e brincadeiras de rua, o ritmo das tradicionais marchinhas, o samba rural paulista, a ciranda e os cocos de roda nordestinos.

Na segunda, dia 12, às 17h, Márcio Coelho e Ana Favaretto comandam o show Outros Carnavais, com um repertório recheado de músicas tradicionais brasileiras e canções autorais de gêneros como frevo, marchinha e samba. Será um bailinho nos moldes das antigas matinês, para dançar e festejar muito na Área de Convivência. 

E para encerrar o tema, a banda Expresso do Riso usa saxofone, trombone, trompete, percussão, humor, criatividade e musicalidade para promover uma atividade pautada nas tradicionais marchinhas de carnaval, além de versões de outros estilos, com a proposta de estimular a interatividade entre as pessoas. A atração está programada para a terça-feira de Carnaval, dia 13, das 16h às 18h, na Área de Convivência.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO 
Para que as famílias possam aproveitar melhor o feriadão, os horários de funcionamento da unidade foram alterados nestes dias de Carnaval. O Sesc Birigui funcionará das 9h30 às 18h30, tanto no sábado e no domingo, quanto na segunda e na terça. O público poderá participar gratuitamente da programação de carnaval e também de atividades que não estão enquadradas no tema. Na quarta-feira, dia 14, o Sesc não terá expediente.


Programação dos dias 10, 12 e 13 (sábado, segunda e terça) - Atividades alusivas ao Carnaval :

Oficina
Folia de cores e fitas
Com Engenharia Lúdica
Em clima de carnaval, as crianças criarão suas máscaras, fantasias e adereços com materiais diversos, como tecidos coloridos e estampados, brilho e fitas, embaladas por trilha sonora preparada para dançar, pular e se divertir.
Dia 10, sábado, das 11h às 13h
Espaço de Brincar  – Sesc Birigui
Grátis

Espetáculo
Foliei festariô
Com Babado de Chita
Uma brincadeira dançante inspirada em manifestações populares brasileiras presentes no carnaval e em suas origens, tais como o Zé Pereira com seu bumbo solitário, ala ursa e brincadeiras de rua, o ritmo das tradicionais marchinhas, o samba rural paulista, a ciranda e os cocos de roda nordestinos.
Dia 10, sábado, das 17h às 18h
Área de Convivência  – Sesc Birigui
Livre
Grátis - Sem retirada de ingressos

Show
Outros Carnavais
Com Márcio Coelho e Ana Favaretto
Bailinho aos moldes das antigas matinês, com um repertório recheado de músicas tradicionais brasileiras e canções autorais de gêneros como frevo, marchinha e samba, para dançar e celebrar a segunda-feira de carnaval.
Dia 12, segunda, das 17h às 18h
Área de Convivência  – Sesc Birigui
Livre - Todas as idades
Grátis - Sem retirada de ingressos

Intervenção
Expresso do Riso
Com saxofone, trombone, trompete e percussão, a banda utiliza humor, criatividade e musicalidade para promover uma atividade pautada nas tradicionais marchinhas de carnaval, além de versões de outros estilos, com a proposta de estimular a interatividade das pessoas durante suas apresentações itinerantes.
Dia 13, terça, das 16h às 18h
Área de Convivência – Sesc Birigui
Todas as idades
Grátis


Programação dos 
dias 10, 11, 12 e 13 (sábado, domingo, segunda e terça) - Atividades com outros temas: 

Oficina
Pensamento "Gurafiku": Composição e colagem
Com Ing Lee
Tendo como ponto de partida a composição presente nas artes gráficas japonesas, a artista compartilha seu processo de criação de imagens e como este foi influenciado por tais referências. Assim, será executada uma produção de colagens seguindo este raciocínio gráfico, fazendo uso de recortes de papéis, revistas e livros japoneses, além de ilustração e tipografia. A produção será separada por três módulos básicos, atravessando as camadas do fazer da colagem: o fundo, figuras e texto/palavra.
Dias 10 e 11, sábado e domingo, das 10h às 17h
Espaço de Tecnologias e Artes (ETA) – Sesc Birigui
Não recomendado para menores de 12 anos
Grátis - Inscrições no Portal Sesc - Vagas limitadas

Contação de história
O camelô do riso: um contador de histórias
Com Mestre Valdeck de Garanhuns
Histórias que vêm recheadas de lendas do Brasil recolhidas por Câmara Cascudo e Mário de Andrade, que falam de arte e cultura popular. O camelô do riso não vende nada, apenas transmite conhecimentos sobre aspectos culturais do nosso povo, para o próprio povo. É o artista popular trabalhando em seu próprio habitat.
Dia 10, sábado, das 15h às 15h40
Área de Convivência  – Sesc Birigui
Livre
Grátis - Sem retirada de ingressos

Oficina
PANCulinária
Com ArboreSer
A Natureza farta faz brotar alimentos até mesmo nas calçadas da cidade. A atividade irá abordar as qualidades das Plantas Alimentícias não Convencionais, valorizar seu potencial nutricional e ensinar como utilizá-las em deliciosas receitas.
Dia 10, sábado, das 13h às 16h
Gramado da Tenda  – Sesc Birigui
Não recomendado para menores de 16 anos
Grátis - Inscrições no Portal Sesc - Vagas limitadas

Oficina
Ressignificando materiais - Mosaico de retalhos
Com Flor Menina
Esta oficina irá propor uma atividade artesanal reutilizando resíduos têxteis para fazer um belo mosaico.
Dia 10, sábado, das 14h às 18h
Sala Múltiplo Uso 2  – Sesc Birigui
Não recomendado para menores de 14 anos
Grátis - Inscrições no Portal Sesc - Vagas limitadas

Espetáculo
Teatro de mamulengo no carnaval cultural do Brasil
Com Mestre Valdeck de Garanhuns e Trio Tropeiros da Serra
Com muita alegria, o mestre Valdeck de Garanhuns mostra algumas tradições do carnaval pernambucano: os papangus de Bezerros, o frevo e o maracatu de baque virado, os bonecões de Olinda, a troça da alaursa e o boi de carnaval. Tudo isso regado ao som da boa música carnavalesca composta de frevos, marchas, maracatus e forrós.
Dia 11, domingo, das 17h às 18h
Teatro  – Sesc Birigui
Livre
Grátis - Sem retirada de ingressos

Oficina
Um canteiro pra chamar de meu - Cultivo de Floríferas
Com ArboreSer
A oficina mostrará que é possível cultivar flores durante todo ano e ainda introduzir flores comestíveis e medicinais no paisagismo da sua casa!
Dia 11, domingo, das 14h às 17h
Gramado da Tenda  – Sesc Birigui
Não recomendado para menores de 14 anos
Grátis - Entrega de senhas no local com 30 minutos de antecedência

Oficina
Confecção de miniaturas de bumba-meu-boi
Com Regina Drozina e Mestre Valdeck de Garanhuns
Tendo como base de inspiração o bumba-meu-boi do Maranhão e de Pernambuco pela sua autenticidade e beleza plástica, crianças e adultos vivenciarão juntos a experiência do processo de criação e confecção de boizinhos.
Dia 11, domingo, das 14h30 às 16h30
Sala Múltiplo Uso 1  – Sesc Birigui
Livre 
Grátis - Entrega de senhas no local com 30 minutos de antecedência

Exibição de filme
Jecão... um fofoqueiro no céu
Dir. Amácio Mazzaropi e Pio Zamuner | Brasil | 1977 | Comédia | 105 min. | DVD
A cidadezinha recebe festivamente o caipira que volta de São Paulo com o prêmio da loteria. Um fazendeiro ganancioso o assalta e o mata. Do céu, ludibriando os anjos, o caipira retorna ao planeta para prender o assassino.
Dia 13, terça, das 11h às 12h30
Teatro  – Sesc Birigui
Livre
Grátis - Sem retirada de ingressos

Oficina
Luminárias de Papelão
Com Deva Bhakta, educador do ETA
A oficina explora as vantagens no uso do papelão - praticidade, baixo custo e sustentabilidade - para o planejamento e produção de luminárias decorativas.
Dia 13, terça, das 14h30 às 17h30; dias 15 e 16, quinta e sexta, das 18h30 às 21h30
No Espaço de Tecnologias e Artes (ETA) - Sesc Birigui
A partir de 10 anos
Grátis - Entrega de senhas no local com 30 minutos de antecedência