AGENDA CULTURAL

24.10.11

RHANY LIMA, cantor de Araçatuba

Daniel Freitas




Este trabalho é um divisor de águas nas produções de estúdios da cidade de Araçatuba. Antes deste trabalho (com exceção das gravações realizadas em grandes centros ou em outras cidades como São Paulo e Rio de Janeiro), todas as gravações realizadas em estúdios de Araçatuba e região não apresentavam boa qualidade, o que pode ser evidenciado no acervo do Memorial da ALMA. Isso começou a ser mudado no final da década de 90 com a abertura de novos estúdios como: Estúdio Makô, algum tempo depois o OGD estúdios e assim por diante. A abertura comercial iniciada naquela década possibilitou adquirir equipamentos importados com mais facilidade e a custo mais barato. Hoje o cenário é outro, Araçatuba possui diversos estúdios de gravação que oferecem qualidade, dada a facilidade em adquirir tais equipamentos, a evolução de novos software e computadores que diminuem mais ainda as parafernalias antes utlizadas nos estúdios de gravação.



Rhany - But for the Lord all thing's are possible

Rhany - De bobeira
Rhany - Hoje
Rhany - Minha canção suas palavras
Rhany - Noite Solidão

RHANY LIMA, cantor, de Araçatuba, interior de São Paulo, descobriu a música aos 5 anos de idade, aos dezenove, após testes, iniciou sua carreira em uma banda de baile local ( Banda Aquárius ). Neste tempo, dedicou-se inteiramente a esse novo momento de sua vida que se chamava música, conquistando assim um espaço muito grande dentro de várias regiões do interior de São Paulo. Se apresentou ao lado de grandes nomes da música brasileira, como: Cesar e Paulinho, Paralamas do Sucesso, Chitãozinho e Xororó, dentre outros. Em 2 000 iniciou a gravação do 1° CD da carreira que terminara em 2002, com participações de músicos e autores locais.

Um comentário:

RHANY LIMA disse...

Essa é alma dos artistas de araçatuba e região, sempre inovando, isso é simplesmente fantastico, poder fazer desse projeto que é sem duvida um grande incentivador, pra todos nós, obrigado Consa e ALMA...teremos um 2012 bem mais cheio de toda essa coisa boa chamada ARTE...